17 de nov de 2011

VISITA DAS CRIANÇAS DA ESCOLA IRMÃ ZOÉ NAS PROPRIEDADES DO VALE DA FARTURA

Nos dias 03,04,07,08,09 de novembro, 353 crianças do 4º e 5º ano do Ensino Fundamental da escola Irmã Zoé visitaram duas propriedades no Vale da Fartura, sendo elas: Sítio do Bello e Sítio JM.

Na chegada ao Sítio do Bello, as crianças foram conhecer a mesa de frutas nativas;

Em seguida foram divididas em dois grupos. Enquanto um grupo fazia a dinâmica “Corujas e Corvos” o outro grupo iniciava a Trilha Sucupira, onde conheceram algumas espécies de árvores nativas da Mata Atlântica e participaram de duas dinâmicas: “Mapa dos sons” (onde tinham que detectar sons da natureza) e “Encontre Algo” (receberam um papel com 5 itens que deveriam encontrar na trilha). Saindo da Trilha Sucupira entraram na Trilha do Jaracatiá, passando em meio ao pomar, onde puderam provar de algumas frutas, como por exemplo: a pitanga e a cabeludinha. Após essas atividades os dois grupos se encontraram na mesa de frutas novamente para provar sucos de cambuci e de pitanga ou de frutas vermelhas (todos os sucos foram feitos de polpas produzidas no próprio sítio), em seguida dirigiram-se ao Sítio JM, onde tomariam o café da tarde.

No sítio as crianças foram recebidas pelo proprietário o Sr. Messias.

Em seguida receberam um papel que determinaria em qual mesa cada aluno iria se sentar, sendo divididos da seguinte forma: mesa do Caçador, da Onça Pintada, do Tatu e do Mico Leão Dourado. Eles realizaram a leitura da descrição da “personagem” da mesa que estavam sentados.

Feita a recepção e a divisão das mesas foi apresentada às crianças a mesa do café, com diversos produtos produzidos no próprio sítio.

Depois do café, as crianças fizeram a avaliação do dia, e foi realizado um sorteio. Após o sorteio os alunos foram conhecer a residencia do Sr. Messias e o Museu.

Após isso tudo de volta para a escola e para casa com muitas histórias para contar.


TEXTO:Cinara Vitório





3 de ago de 2011

II VISITA SESC ARAQUARA EM PARAIBUNA

Recebemos no dia 24 de julho pela segunda vez o grupo de turista de Araraquara, devido a grande procura na ultima vinda foi criada uma lista de espera para uma próxima viagem.

Recebemos neste dia 38 pessoas que chegaram a nossa cidade ás 11h30min depois de seis horas de viagem, a primeira visita foi a Loja da Bananinha onde osturistas compraram vários proutos da cidade, em seguida fomos para uma breve city tour, onde puderam conhecer a Matriz de Santo Antônio e o centro da nossa cidade.

O almoço foi servido no Restaurante Chororão, onde provaram uma deliciosa comida típica e de prêmio tiveram a oportunidade de ter visão geral da nossa cidade e do Rio Paraiba do Sul.

A tarde teve inicio com uma visita no Sitio do Bello, onde foram recebidos pelo proprietário Dougals, sua esposa Cintia e os funcinários do Sitio, que mesmo não sendo a época de frutas montou uma mesa com vários frutos encontrados na propriedade.

Para aquele que não conheciam vários frutos também puderam apreciar uma exposição com fotografias tiradas durante o ano pelo jovem Lucas Herrique.

Para o Passeio o grupo foi dividido em dois grupos um que participou de uma caminhada mais longa passando pela Trilha Sucupira dentro da Mata Nativa, conduzidos pelo jovem Pedro chegando a area de Recepção pelo pomar de frutiferas, o segundo grupo foi guiado pelo jovem Lucas Henrique passando pela Trilha Jaracatiá conhecendo o pomar de frutiferas e terminando o percuso na Trilha do Guatambu conhecendo várias árvores da Mata Nativa e o famoso pé de Cambuci.

Durante as trilhas foram aplicadas várias dinâmicas de vivências na natureza sendo elas “Que Bicho sou Eu”, “Mata dos Sons” e “Encontre Algo”.

Ao chegarem da trilha puderam experimentar vários sucos e os doces de Araça e Buriti.

No fim da tarde foram levados para ao Sitio JM, propriedade do Senhor Messias Rodolfo, onde conheceram um pequeno espaço de memória da familia e tomaram um delicioso café caipira com muitos bolos, doces, queijos e paçoca ao som da viola do Seresteiro Ronni dos Santos, as crianças também tiveram a oportunidade de andar a cavalo e de carro de boi.

CRIANÇAS DE OSASCO INVADEM PARAIBUNA

Muita gente percebeu uma grande movimentação de crianças pelas ruas e praças de nossa cidade nos últimos dias. Foram cerca de 1.000 crianças de escola publica municipal de Osasco que vieram fazer um “Recreio nas Férias”, em Paraibuna. E para coordenar a execução do Projeto em nossa cidade contrataram o Instituto H & H Fauser pelo Projeto de promoção e capacitação de Turismo Sustentável. Isso proporcionou a contratação de 20 jovens que trabalharam por oito dias monitorando e orientando e divertindo essas crianças.

COBRA GRANDE

O passeio todo foi temático trazendo às crianças aspectos da literatura com personagens, lendas e mitos da região.

No passeio literário pela cidade foi usado como mote a lenda da Cobra Grande que ao se mexer treme toda a cidade. Por coincidência, na noite do segundo dia dos passeios ocorreu um outro tremor de terra na cidade, assustando moradores.

E monitores que vieram de Osasco para acompanhar as crianças, ao saberem do fato no dia seguinte. Outros mitos como Caipora, Boitatá, Corpo Seco, etc., também foram trabalhados, bem como nossos principais personagens literários: Padre Ernesto, Benedicto Siqueira e Silva, Monteiro Lobato, Zé Mira, Cassiano Ricardo, etc.


No roteiro foi incluído uma visita à Fundação Cultural

e a uma propriedade rural que foi o Sitio do Jotinha, onde foram desenvolvidas várias dinâmicas com os alunos.

Visita pela pelo Sitio JJ

Terminando o dia com um café caipira preparado pelo Messias, no refeitório da Escola Irmão Zoé, cedido pela Diretoria de Educação de Paraibuna. No embarque para o retorno a Osasco cada aluno levou um dos produtos simbólicos de nossa cidade: a Bananinha Paraibuna.

GERAÇÃO DE TRABALHO

O que ficou de importante foi a geração de 20 postos de trabalho por um período de férias, a jovens preparados pelo Instituto Fauser e Fundação Cultural de Paraibuna, a divulgação da cidade de Paraibuna, um trabalho diferente e a possibilidade de novos eventos do tipo nas próximas férias.

Estiveram visitando a cidade, em função dessa programação, a presidente da ONG CEEP de Osasco, que cuida do projeto “Recreio nas Férias” e a Secretária de Educação de Osasco, para conhecerem o desenvolvimento dos trabalhos do Instituto Fauser.

Agora cabe ao Instituto Fauser trabalhar pela continuidade desse interessante projeto.

jotavê

VISITA ESCOLA IRMÃ ZÕE VALE DA FARTURA

Como parte de um Projeto feito pelas 3º séries da Escola Irmã Zõe desenvolvidos pelas professoras e pela coordenadora Benedita, que fala sobre seres vivos, vegetais e a história das Festas Religiosas de Paraibuna, 200 crianças visitaram no Vale da Fartura a propriedade do Sitio do Bello e Sitio JM entre os dias 05,07 e 08 de julho de 2011. O grupo foi dividido em 5 períodos, sendo 2 grupos dia 05, dois grupos dia 07 e um grupo no dia 08 de julho.

As crianças seguiram a seguinte programação: chegada ao Sitio do Bello, sempre recepcionados pelo monitor Lucas Henrique que falou um pouco da história da propriedade, em seguida uma exposição com uma mesa com vários frutos encontrados na propriedade.

Em seguida os grupos eram divididos em dois grupos, o primeiro grupo fazia a trilha Sucupira, podendo conhecer várias árvores nativas, terminando a trilha pelo pomar de frutíferas conhecendo algumas arvores de pitanga, acerola, jaracatiá, araçá, sempre acompanhados pelos monitores Lucas e Elaine.

Durante a atividade foram aplicadas várias dinâmicas sobre vivencias na natureza como “Que Bicho sou eu”, “Mapa dos Sons” e “Encontre Algo”.

O segundo grupo passava pela Trilha Sucupira e conhecia as árvores de frutas como pitanga, acerola, jaracatiá, framboesa e amora, chegando às margens do Rio Fartura acompanhados pelos monitores Pedro e João, onde foram aplicadas dinamicas de vivências na natureza.

Ao termino da trilha as crianças provaram o suco de cambuci, cajá manga e o doce de buriti.

No fim do passeio seguiam para o Sitio JM onde foi servido um deliciosa Café Caipira, após o café as crianças conheceram um pequeno Espaço de Memória do Sitio que guardas objetos antigos da Familia do proprietário.


6 de jul de 2011

VISITA DE UNIVERSIDADE INTERNACIONAL DE GASTRONOMIA ITALIANA




No dia 05 de Junho de 2011 o Sitio do Bello o recebeu um grupo de 21 pessoas das quais haviam estudantes da Università degli Studi di Scienze Gastronomic (criada em 2004 pelo Slow Food internacional com colaboração da região Piemonte e Emília Romana).

A vinda do grupo para Paraibuna foi organizada pelo Convívio São Paulo do Slow Food.

Chegando ao sítio do Bello eles conheceram um pouco da história do sítio e algumas frutas que estavam como amostra, dentre elas a feijoa, a fruta do lobo, araçá boi entre outras.

O passeio teve início pelo viveiro de mudas


Em seguida o grupo foi conhecer as árvores nativas da trilha da Sucupira.


A monitoria foi feita pelos Monitores Douglas Bello (proprietário do sítio) e Pedro Barbosa que acompanhou o grupo na propriedade e para finalizar a visita no Sítio, eles provaram um delicioso suco de uvaia e cambuci.

Em seguida eles almoçaram no Mercado da Suzana onde foi servida comida caseira feita no fogão à lenha e para finalizar o passeio no final da tarde eles conheceram a Feira de Turismo que estava acontecendo em razão do aniversário da cidade e visitaram o estande do Instituto H e H Fauser onde puderam comprar produtos do Sítio do Bello e também tiveram um bate papo com o pesquisador da culinária caipira João Rural.

SESC ARARAQUARA VISITA PARAIBUNA

Em comemoração ao Dia Mundial do Meio Ambiente, estabelecido pela Assembléia Geral das Nações Unidas em 5 de junho de 1972, durante a Conferência de Estocolmo sobre o Homem e o Meio Ambiente e como proposta de conscientizar e expandir a percepção da população sobre a importância da preservação ambiental e das possibilidades que a natureza oferece, que podem ser desfrutadas de forma sensata e sustentável ( SESC Araraquara) foi feita uma visita a cidade de Paraibuna, em especial ao Sitio do Bello por 40 pessoas no dia 19 de junho.

Durante o passeio, os turistas de Araquara depois de seis horas de viagem, visitaram Centro Histórico da cidade, o Sitio do Bello e o Sítio JM.

Os turistas chegaram por volta das 12h em Paraibuna, foram conhecer o nosso Centro Historico, passaram pela Praça da Matriz e Loja do Artesão em seguida foram almoçar no Restaurante Chororão.

Após almoço, foram recepcionados por Douglas proprietário do Sitio do Bello, que falou um pouco da história da propriedade, em seguida o grupo foi dividido em dois grupos, o primeiro grupo fez o caminho mais longo passando pela Trilha Sucupira, podendo conhecer várias arvores nativas, terminando a trilha pelo pomar de frutíferas conhecendo algumas arvores de frutiferas como pitanga, acerola, jaracatiá, araçá, sempre acompanhados pelos monitores Pedro, Elaine e o proprietário do sítio Douglas Bello.

O segundo grupo passou por uma trilha mais curta e conheceram as árvores de frutas como pitanga, acerola, jaracatiá, framboesa e amora, acompanhados pelos monitores Larissa, Susi, e o Donizete que trabalha no sítio.

No fim da tarde seguiram para o Sitio JM, onde o proprietario Messias Rodolfo contou um pouco da história de seu Sitio e foram convidados a tomar um deliciosa Café Caipira ao Som da viola de Ronni dos Santos.

Após o café alguns turistas puderam andar a cavalo e até de carro de boi, para finalizar a visita conheceram um pequeno Espaço de Memória do Sitio que guardas objetos antigos da Familia do proprietário.

Texto: Elaine Cristina Nogueira

16 de mai de 2011

80 JOVENS DE PIRACICABA VISITAM PARAIBUNA

 No dia 11 de maio de 2011, 80 jovens da cidade de Piracicaba estiveram visitando Paraibuna. A viagem foi organizada pela agencia de viagem Educar Turismo, os jovens ficaram um dia em Paraibuna e seguiram para Parati onde continuaram o passeio por mais três dias.Em Paraibuna a turma dividiu-se em dois grupos: o primeiro foi direto para a Usina Hidrelétrica da Cesp e o outro grupo ficou na cidade para o City Tour.

Jovens de Piracicaba em visita à Paraibuna  
Monitoria no Largo do Rosário
A monitoria na parte da manhã foi feita pelo historiador da cidade Célio de Abreu e os jovens Fernanda e Lucas Henrique.
Historiador Célio de Abreu em monitoria

 O passeio teve inicio em uns dos pontos turísticos mais conhecidos da nossa cidade o Portal do Cemitério, que mais uma vez causou polêmica e curiosidade.
Portal do Cemitério: um dos famosos atrativos turísticos

Em seguida os jovens seguiram para a Praça da Matriz onde tiveram a chance de apreciar os Casarões Antigos e conhecer a Igreja Matriz de Santo Antonio.

Conjunto Arquitetônico da Praça Matriz

 Igreja Matriz de Santo Antônio

Depois seguiram para o Largo do Mercado, visitaram a Feira do Produtor Rural da cidade, com direito a compra de produtos de nossa cidade.  Conheceram a história do Mercadão e entraram para algumas compras.

Produtos dos Pequenos Agricultores do Município


Monitoria no Mercadão Municipal 

Para finalizar a parte da manhã visitaram a Fundação Cultural Benedicto Siqueira e Silva, onde foram recebidos com suco de Frutas Nativas da região de Cambuci e Araça do Sítio do Bello e puderam comprar artesanato local no ponto de venda montado pela Malu.

Na hora do almoço os dois grupos se encontraram no Restaurante Chororão.

Durante o período da tarde o primeiro grupo veio para a cidade e o segundo grupo seguiu para a Usina Hidreletrica da CESP. Ao chegar à cidade a monitoria foi conduzida pelo historiador Célio de Abreu e os jovens Lucas Henrique e Pedro Barbosa, como eles tinham um pouco mais de tempo puderam entrar no Cemitério e conhecer a Capela de São Miguel.
Interior da Capela São Miguel

Em seguida fizeram o mesmo percurso do periodo da manhã: Portal do Cemitério, Praça da Matriz e Praça do Mercado, encerrando a visita na Fundação Cultural Benditcto Siqueira e Silva.

Interior da Igreja Matriz

Texto: Elaine Nogueira
Fotos: Lucas Henrique 
Postagem: William de Oliveira 

28 de fev de 2011

SESC CONSOLAÇÃO NA TRILHA DO SABOR


No dia 26 de fevereiro de 2011, trinta e seis Paulistas visitaram a cidade de Paraibuna, eles vieram para conhecerem a gastronomia local e o Centro Histórico da Cidade.

Os turistas chegaram por volta das 9h foram recepcionados pela Turismóloga Elaine Nogueira e a Jovem Jéssica Costa no Mercado da Suzana.









Lá tomaram um café caipira com bolos, pão de queijos, sucos e geléias, a base de produtos orgânicos e também puderam conhecer o espaço com artesanato de madeira de demolição, ferro e tear manual.

Após o café realizou-se o City Tour no Largo do Rosário, com a monitoria do jovem Pedro que falou sobre a história da Santa Casa de Misericórdia , Instituto Santo Antonio e puderam entrar na Igreja do Rosário dos Homens Pretos.

Em seguida seguiram para a Praça da Matriz conheceram a Igreja do Padroeiro da Cidade Santo Antonio, os Casarões da época do Café e o Prédio da Fundação Cultura e finalmente o Largo do Mercado,onde se encontra o prédio construído em forma de barracão que abriga lojas, restaurantes, armazéns que oferecem uma infinidade de produtos.

O almoço foi servido no Restaurante Chororão perto da cidade em frente a Rodovia dos Tamoios, com janelas de vidro de frente para o Rio Paraíba do Sul, onde os turistas puderam apreciar a vista da cidade, a comida foi servida no Fogão a Lenha: pernil, tutu,fogado,e saladas.

No período da tarde conheceram na Fundação Cultural a exposição de fotos antigas da história de Paraibuna guiados pelo historiador Célio de Abreu, depois participaram de um roda de conversa coordenado pelo Psicólogo William de Oliveira, sobre a história da culinária local e o depoimento das pessoas que vivem da agroindústria na cidade.

Jotinha falou sobre a Cachaça, melado, açúcar mascavo e rapadura; Marcelo dos produtos a base de Cambuci; Malu da Paçoca; Renata levou o material impresso do culinarista João Rural, o jovem Lucas falou sobre a Empresa Bananinha e as jovens Fernanda, Andressa e Brenda falaram sobre os produtos do Sitio do Bello.

Para encerrar o passeio seguiram até a Cozinha Caipira onde o Guia credenciado da Embratur Luciano Stábili contou a história e explicou como são feitos os pasteis do Manezinho: pastel feito de farinha de milho e polvilho doce, recheado com músculo cozido e desfiado, que já está na família há mais de cem anos e vem passando de pai para filho.

Foi servido também o Café Chão Caipira pela D. Irene e Sr. Bernado com direito a bolo de fubá,bolinho de chuva, pão de queijo, geléias e queijos da região ao som dos violeiros Roni dos Santos e Sandra Claro.

9 de fev de 2011

PAULISTANOS VISITAM PARAIBUNA !

No dia 29 de janeiro de 2011 , quarenta paulistanos visitaram a cidade de Paraibuna e puderam conhecer o Sítio do Bello e o Centro Histórico da cidade.

Os turistas chegaram por volta das 9h e foram tomar o delicioso café do Chão Caipira da D. Irene e Sr. Bernardo no Sítio JJ. Puderam apreciar uma bela paisagem, tomar o café ao som dos violeiros Ronie dos Santos e Joaquim da Viola. Os turistas divertiram-se com o desafio de tocar o berrante. O Sr. Valter (turista) acompanhou a dupla durante a apresentação.

Após o café, foram recepcionados por Douglas proprietário do Sitio do Bello, que falou um pouco da história da propriedade. Em seguida o grupo foi dividido em dois grupos que seguiram trilhas adequadas a cada público alvo segundo o grau de dificuldade.

O primeiro grupo fez o caminho mais longo passando pela Trilha Sucupira, podendo conhecer várias arvores nativas. Ao término da trilha, pelo pomar de frutíferas, provaram frutas como pitanga, acerola, jaracatiá, araçá, sempre acompanhados pelos monitores Pedro, Elaine, Lucas Prado e o proprietário do sítio Douglas Bello.

O segundo grupo passou pela Trilha do Guatambu, uma trilha mais curta, e puderam provar algumas frutas como pitanga, acerola, jaracatiá, framboesa e amora, acompanhados pelos monitores Lucas Henrique, Susi, Seu Paulinho e o Donizete que trabalha no sítio.

Depois da caminhada todos se refrescaram com suco de Cambuci e Uvaia.

O almoço foi servido no Bem Bolado Pesca e Lazer, sendo um prato típico e muito famoso de Paraibuna, o Fogado acompanhado de suco de Cambuci.

Durante a tarde, eles fizeram o ”city tour” passando pelos principais pontos turísticos da cidade. Conheceram a Praça da Matriz e ficaram encantados com os casarões. Também conheceram a Praça do Mercado e ouviram um pouco da história do Mercado Municipal.


Texto e Fotos: Lucas Henrique
Postagem: William de Oliveira

6 de jan de 2011

EM JANEIRO, AGENCIA ARTTURISMO EM PARAIBUNA

AGÊNCIA ARTTURISMO* (www.artturismo.com) de São Paulo promoverá, no dia 29/01/2011 (Sábado) passeio de Turismo Sustentável pelo Roteiro Turístico Tradição e Frutas Nativas da Mata Atlântica visitando o Sítio do Bello (www.sitiodobello.com.br) e o centro histórico de Paraibuna.




O pacote no valor de R$ 125,00 ou 2 x R$ 70,00 inclui:
- Ônibus Convencional ou micro-ônibus;

- Café da Manhã Caipira;

- Visita ao Sítio do Bello, local onde SE cultiva frutas nativas de vários ecossistemas brasileiros (Mata Atlântica, Amazônia e Cerrado), são mais de 50 espécies de frutas com viveiro de mudas, trilha para conhecer as árvores nativas, chegando às margens do Rio Fartura, pomar de frutíferas, visita a sala de manipulação onde são preparadas as polpas das frutas. www.sitiodobello.com.br

- Almoço servido no fogão de lenha , prato típico fogado e suco de Cambuci promovido no Sítio JM.

- City Tour em Paraibuna para conhecer parte do patrimônio histórico e cultural da cidade, produtos tpicos, loja da bananinha de Paraibuna e artesanato;

- Guia credenciado pelo Ministério do Turismo;

- Assistência de Viagem Trip Card;


Apresentação às 6h45 (metrô Liberdade - em frente à Tunibra)

Aconselhável levar:
- Roupa e Calçado Confortável;
- Agasalho;
- Protetor Solar;
- Boné ou Chapéu;
- Repelente;
- Máquina Fotográfica;
- Guarda-chuva ou capa de chuva;

SERVIÇO:
Informações e reservas: ( 11 ) 3275-4400 - Mitiko
artturismo@terra.com.br
Sede: Av. Liberdade, 701 - 15o andar
www.artturismo.com



SESC CONSOLAÇÃO: TURISMO EM PARAIBUNA

O Instituto H&H Fauser por meio do Roteiro Tradição e Frutas Nativas da Mata Atlântica coordenada pela Oficina de Turismo Sustentável recepcionou o grupo de 42 paulistanos para visita organizada pelo SESC Consolação no dia 30 de outubro de 2010.

O Passeio foi organizado por ocasião do projeto Dia Mundial do Turismo - Viagens na minha terra... que teve o objetivo de comemorar esse dia realizando uma programação que apresentasse ao público "a importância da conservação da sociobiodiversidade, promovendo uma reflexão sobre a inclusão da perspectiva humana no ambiente natural e sobre as relações socioculturais ali inseridas".

Capa do Caderno de Programação do Projeto

O grupo foi recepcionado às 9h para o café da manhã no Mercado da Suzana. Após o café o jovem Pedro Barbosa e a técnica Elaine Nogueira acompanharam o grupo até o Sítio do Bello, o empreendimento destaque da visita.

Programação do SESC CONSOLAÇÃO para visita em Paraibuna

A chegada ao sítio aconteceu às 11h onde o monitoria organizou três grupos de acordo com o perfil do público: o primeiro fez uma trilha longa por entre as árvores de frutíferas até o rio Fartura, monitorados pelo jovem Pedro Barbosa e o proprietário do sítio Douglas Bello, o segundo grupo fez uma trilha média por entre as árvores frutíferas monitorados pela técnica Larissa Faria e o funcionário do sítio Donizete, o terceiro grupo que tinha dificuldade em caminhar permaneceu na área de recepção do Sítio do Bello, acompanhado pela técnica Suzanne Fauser.

Em seguida por volta do 12h30 min. o grupo foi almoçar no Bar do Beto onde pode experimentar o prato tradicional da cidade (fogado), e como sobremesa provaram a bananinha Paraibuna.

No período da tarde às 14h o grupo foi para o centro da cidade, passou pela Praça da Matriz onde pode apreciar os Casarões e conhecer o interior da Igreja Matriz de Santo Antônio de Paraibuna.

Visita ao Centro Histórico e à Igreja Matriz

Seguiram para o Largo do Mercado, conheceram um pouco mais da história da cidade e puderam apreciar o artesanato e as delícias de Paraibuna.

Por volta das 16h na Cozinha Caipira foi oferecido o café do "Chão Caipira" servido pela D. Irene e pelo Sr. Bernardo, no mesmo local também foi montado um espaço do artesanato, a organização do local ficou sobre responsabilidade do Técnico Wiliam de Oliveira e do jovem Luiz Guilherme.

Mesa Farta do Café Chão Caipira

Dona Irene e Sr. Bernardo - Tradição do Café no Fogão de Lenha

Ao terminar o café foi feito um sorteio de brindes oferecidos pelos empreendimentos por onde o grupo passou.

Sandra Claro e Malu no Ponto de Venda de Artesanato


Para finalizar o passeio, o grupo pode conhecer e fazer suas compras no Armazém Sabores de Paraibuna, loja da famosa empresa Bananinha Paraibuna.

Texto: Elaine Nogueira - Turismóloga

Fotos: Lucas Henrique - Jovem PJ-MAIS

NECD: William de Oliveira - Psicólogo